Aí vão 3

É o terceiro trofeu de Vítor Pereira.

Para treinador de segunda liga, adjunto que nunca seria mais do que isso, tipo que nada percebia de futebol, não está nada mau – 3 vitórias num ano e mais um jogo. Pode não ser um Mourinho, mas escusado será lembrar que tantos e tantos treinadores passaram por cá sem conseguirem tantas vitórias.

O futuro é o que tiver de ser, mas Vitor Pereira já não se livra de ficar na história do FC do Porto.